Mais fortes que a Zika

Bem-vindo ao projeto “Mais Fortes Que a Zika”. Neste espaço, você vai conhecer melhor este trabalho e seus frutos, que são as ações desenvolvidas por Organizações da Sociedade Civil (OSC) em cinco cidades pernambucanas. O objetivo do projeto é levar conhecimento sobre a importância da prevenção sexual no combate à infecção pelo Zika vírus, a fim de evitar não apenas a manifestação da doença, como também seu resultado mais nefasto: a Síndrome Congênita do Zika, que provoca o nascimento de crianças com problemas neurológicos, dentre os quais o mais conhecido é a microcefalia.

Próximas ações

CLIQUE NA CIDADE PARA VER O CALENDÁRIO

Petrolina

A OSC Grupo Curumim Gestação e Parto objetiva contribuir para que mulheres, adolescentes, jovens e a população LGBT das cidades de Goiana e Petrolina tenham a condição de tomar decisões seguras, conscientes e autônomas na vivência sexualidade, da saúde e dos direitos sexuais e reprodutivos, frente à epidemia do vírus da Zika, através de incidência politica, de ação de formação técnica e política.

Caruaru

A OSC Instituto PAPAI busca promover um maior envolvimento dos homens em ações de prevenção e cuidados no contexto da epidemia de Zika em Caruaru. Mais especificamente, busca a sensibilização da sociedade civil e da gestão pública. Assim, pretende desenvolver uma experiência-piloto que possibilite a incorporação de políticas públicas em prol da garantia dos Direitos Sexuais e Reprodutivos.

Goiana

A OSC Grupo Curumim Gestação e Parto busca ampliar a capacidade técnica e política de profissionais da saúde, da assistência e da educação quanto aos direitos sexuais e reprodutivos, com ênfase na prevenção das DST’s e gravidez indesejada, frente à epidemia de Zika. Busca ainda incentivar adolescentes e jovens para que realizem pesquisas e despertem o interesse sobre direitos sexuais e reprodutivos.

Olinda

A OSC Grupo de Trabalho em Prevenção Positivo (GTP+), por meio do esquete teatral “Lampião e Maria Bonita Super Prevenidos na luta contra o Zika Vírus”, leva ensinamentos sobre prevenção ao Zika Vírus às escolas públicas de Olinda, estações do Metrô da cidade do Recife/Integração Olinda, além de realizar oficinas com jovens.

Recife

A OSC Casa da Mulher do Nordeste tem como objetivo estimular a organização comunitária com protagonismo político das mulheres e jovens negras na promoção dos direitos sexuais e reprodutivos. Já o Instituto Mara Gabrilli está em campo para localizar a população com deficiências relacionadas ao Zika nas comunidades carentes, coletar dados, propor políticas e criar uma rede de proteção e apoio. Leia mais.

GALERIA
DE FOTOS