GAPA: recursos do edital para transformar vidas na Bahia

gapa-1-face

Agir como uma chama inicial, que ilumine uma centena de jovens e transformá-los em condutores desta nova luz, clareando a vida de milhares e milhares de pessoas como eles. Este é o objetivo do projeto “Protagonismo Juvenil: Participação, Saúde e Prevenção”, do Grupo de Apoio à Prevenção da Aids (GAPA), de Itabuna, na Bahia. O projeto é realizado com recursos oferecidos pelo edital público do Fundo PositHiVo.

A “luz”, no caso, é o conhecimento sobre saúde sexual e reprodutiva, com ênfase em informações sobre prevenção, diagnóstico e tratamento do HIV/Aids. “Infelizmente, como vem sendo registrado em todo país, os casos de HIV entre os jovens também vêm crescendo na região de Itabuna nos últimos anos”, diz Susi Azevedo, ex-presidente do GAPA-Itabuna e voluntária na coordenação do projeto. “É preciso atuar para multiplicar informações entre os jovens a respeito deste assunto.”

A estratégia do projeto determina que dois grupos de jovens passem por um processo de capacitação junto ao GAPA para se tornarem multiplicadores de conhecimento. “Terminamos recentemente a primeira capacitação, com 50 jovens, que já estão começando a atuar em escolas da cidade”, explica Susi.

gapa-2-face

O segundo grupo também terá 50 jovens, totalizando uma centena de multiplicadores. “Acreditamos que cada um destes jovens conseguirá passar conhecimento a outros 20, totalizando cerca de 2 mil jovens mais conscientes sobre prevenção do HIV/Aids em Itabuna”, prossegue a coordenadora, exaltando o modelo de divulgação de conhecimento entre pares, uma exigência do edital do Fundo PositHiVo. “Temos anos de experiência nesta área, e com certeza os jovens prestam mais atenção neste tipo de informação quando estão ouvindo outros jovens, gente como eles. Mas claro que fiscalizamos todo o processo”, conta Susi Azevedo.

O GAPA-Itabuna existe há 27 anos, e a chegada de modelos de fornecimento de recursos da iniciativa privada, como o do edital, foi comemorada pela organização. “Os recursos oferecidos pelo edital do Fundo PositHiVo foram muito importantes para nos ajudar a viabilizar o projeto, que envolve confecção de material didático, alimentação, entre outras coisas”, explica a coordenadora.

gapa-cartaz-face

Contato.


Avenida São Luís, 50 sl. 72G – República – São Paulo/SP
+55 11 3129-9055